VOLTAR
MILKA

Seguem alguns destaques do software MILKA, que apesar de apresentar um "esqueleto" previamente definido, pode e deve ser totalmente modelado para as necessidades do Cliente:

1) É orientado para a obtenção de INFORMAÇÕES GERENCIAIS e de APOIO À DECISÃO no setor de captação do leite, com mecanismos para transferência eletrônica de dados e, por isso, é facultativa a substituição do sistema de pagamento e emissão de notas fiscais do Laticínio / Cooperativa para contar com seus recursos;

2) Possibilita a previsão quantitativa e qualitativa de entrada do leite que permite simulações para projeção dos custos de captação;

3) Permite ao usuário não só a personalização das opções de análises a serem utilizadas, como também o estabelecimento das faixas e valores para adição e/ou dedução no preço final do litro de leite. É possível simular o impacto da alteração de cada um dos parâmetros, e sobre os dados efetivos ou projetados do Laticínio, tudo isso sem a necessidade do sistema ser reprogramado. Este recurso é muito útil para estudos sobre o pagamento diferenciado por escala de volume e/ou por qualidade;

4) No controle do frete, que é integrado ao controle do leite, existe estrutura semelhante para viabilizar a criterização do pagamento, neste caso, sobre a qualidade dos serviços prestados por cada transportador;

5) A partir de um banco de dados centralizado é possível o controle da atividade de vários Postos de Recepção;

6) Permite a rastreabilidade do leite desde a coleta na propriedade rural até a recepção na fábrica. Várias informações são obtidas a partir deste controle (que se baseia no processo de análise de riscos e pontos críticos de controle), auxiliando na determinação dos pontos a serem focados na busca pela melhoria da qualidade do produto;

7) Permite intercâmbio eletrônico com Bancos, dos dados para pagamentos a produtores e transportadores (atualmente Banco do Brasil, Itaú, Unibanco, BankBoston e Santander, mas pode ser ampliado).